Menu

Cidadão alerta para dupla função de motorista e segurança na Carreta da Alegria Destaque

Cidadão alerta para dupla função de motorista e segurança na Carreta da Alegria

O transporte coletivo e a Carreta da Alegria que, constantemente circula pelas ruas de Ponte Nova, foram abordados pelo cidadão José Benício Maia na Tribuna Livre de 9 de novembro. Ele comentou a dupla função do motorista que, em algumas linhas, tem feito o papel do cobrador e alertou para os problemas decorrentes da situação.

Os motoristas dirigem, recebem passagens em dinheiro ou bilhetes eletrônicos, liberam a roleta e precisam estar atentos ao retrovisor nas paradas durante o desembarque de passageiros. O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) proíbe cobrar a passagem com o veículo em movimento como forma de segurança. Por isso, torna-se comum, a fila de pessoas que tentam embarcar, principalmente, nos horários de pico, o que tem atrasado as viagens.

Com relação à Carreta da Alegria, José Benício reclamou da poluição sonora, principalmente, próxima aos Hospitais, ao Asilo Municipal, às Igrejas e Escolas; apontou a falta de segurança no transporte das crianças e cobrou providências do município.

Os vereadores comentaram os questionamentos do cidadão, destacaram as várias indicações feitas à empresa de ônibus para que efetive melhorias no atendimento e o número crescente de reclamações referentes aos horários, itinerários e, até mesmo, a falta do transporte coletivo nos finais de semana e feriados e o sucateamento da frota. Também salientaram a constante cobrança para fiscalização da Carreta da Alegria.

O presidente da Mesa Diretora, Leo Moreira (PSB), juntamente com os vereadores José Osório (PT do B), Machadinho (PT do B), Montanha (PMDB) e Chico Fanica (REDE) irão apresentar um Projeto de Lei (PL) para instituição de um Conselho Municipal de Serviços de Transporte Público. “Isto é amparado pela Constituição Federal e pela Lei Orgânica Municipal. Juntamente com a Comissão Tarifária, que é formada somente para avaliação em época de aumento, o Conselho teria a função de acompanhar a prestação dos serviços e buscar melhorias”, explicou Leo.

Meio ambiente

O presidente do Instituto Tempo é Vida (ITEV), Rafael Esteban Armas, também participou da Tribuna Livre de 9 de novembro para falar sobre o meio ambiente. Ele comentou sobre o tratamento do chorume feito na cidade de Cariacica, no Espírito Santo (ES), e disse que a tecnologia tem ajudando um aterro sanitário a transformar o líquido que resulta da decomposição de lixo em água limpa. Sendo esta uma possibilidade também para o tratamento do lixo em Ponte Nova.

O presidente do ITEV sugeriu a inclusão da disciplina “Educação Ambiental” no currículo escolar do município e ressaltou que a responsabilidade com o meio ambiente não é apenas do Poder Público, mas de toda a população.

Após a manifestação de Esteban, os vereadores destacaram a preocupação com o tema e os diversos questionamentos já feitos ao Executivo e entidades ligadas ao meio ambiente. A vereadora Aninha de Fizica (PSB), integrante da Comissão de Defesa do Meio Ambiente, explicou os trabalhos que têm sido feitos nos últimos 11 meses pelos vereadores e, principalmente, pela Comissão e lamentou a não inclusão de Ponte Nova na lista de arrecadação do ICMS Ecológico.

A vereadora também solicitou a enumeração das ações do ITEV no município relacionadas ao meio ambiente ao longo dos últimos anos. O áudio completo da reunião de 9 de novembro está disponível no portal pontenova.mg.leg.br

 

 

   
 

Cecília Braga

Assistente de Comunicacão

 

Fone: (31) 3819-3267

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

www.pontenova.mg.leg.br

 

Av. Dr. Cristiano de Freitas Castro, 74
Chácara Vasconcelos - CEP 35.430-037
Ponte Nova - Minas Gerais

voltar ao topo

Notícias Regionais

Brasil e Mundo

Ponte Nova

Colunistas

  • Esqueceu sua senha?
  • Esqueceu seu usuário?